sexta-feira, 25 de novembro de 2011

Integridade psíquica


Certas pessoas evitam acreditar, fingem entender, fogem ao invés de debater. Lembro-me de estar sempre errado aos olhos de cegos, sempre fugido da consciência, dado as mãos ao inserto, caminhado lado a lado com o mau senso.
Refletir é a tentativa de explicação para a angústia que nos cerca e nos aflige, por isso prefiro relatar como momento sobressaltado da minha mente deplorável após um longo regresso. Mas não é mais que um acesso momentâneo de loucura, uma vez que não há razão que a justifique.

Nenhum comentário:

Postar um comentário